30 de mai de 2015

Nem sempre é fácil ser Zen,

mas a gente segue na prática.


29 de mai de 2015

Camas e gatos

Eu tive que tirar o fundo e os pés de uma cama box e colocar direto no chão, só por causa da Benta!


27 de mai de 2015

Acordar cedo

Eu gosto de acordar cedo...NATURALMENTE. Quando tenho que acordar cedo, por obrigação, é assim:

Just five more minutes...

25 de mai de 2015

FIM DE CICLO - INÍCIO DE CICLO

Hoje um ciclo completo se encerra e outro novo e fresco se inicia.
Iniciei o blog há 5 anos atrás (aqui), dois anos depois de ter saído de Porto Alegre (POA). Estava bem no meio de grandes modificações pessoais que incluíram: mestrado, doutorado, morar em três cidades diferentes, dez mudanças de endereço (sim, 10!), adoção de mais 2 gatas, vários quilos a mais, descobertas, novos rumos etc.
Saldo? Extremamente positivo! Me sinto feliz e bem. Nada de fantástico, para o senso comum, ocorreu. Não ganhei na loteria, não fiz a volta ao mundo, não casei, não tive filhos, mas...descobri o quanto sou abençoada, o quanto sou feliz e, principalmente, como viver em paz que é um dos, senão o maior, valor.
Todo este blá blá blá por quê? Porque hoje, formalmente, o ciclo passado se encerrou e comecei novo ciclo. Estou de volta à Porto Alegre e comecei no novo local de trabalho. Alguns podem dizer: "ok, rodopiou, rodopiou e caiu no mesmo lugar!" e eu digo: "o lugar até pode ser o mesmo, mas eu NÃO SOU A MESMA que saiu daqui". Vi que não existe a cidade ideal. Uma ótima cidade para visitar não quer dizer que esta cidade seja boa para morar. A gente sonha com pessoas ideais, com lugares ideais, com empregos ideais e eles não são perfeitos. Tudo tem um "senão", o que vai fazer o lugar, a pessoa, o emprego ser bom é como os encaramos, sabendo que existem os pontos positivos e negativos a conviver, SEMPRE!
Como eu já havia sinalizado em postagens anteriores, o blog mudou (notaram?). Está mais concentrado nas rotinas das gatas, assuntos e humor sobre gatos em geral e, a partir de agora, na preparação e estudo para o sítio REAL. Assim, as postagens, aqui, serão menos intimistas e mais concretas.
Com a vinda para POA, resolvi várias questões de ordem prática. Estou morando simples, gostando e querendo que seja assim, não tem porque não ser. Com isto, abro espaço para, com foco e esforço, atingir o sonho do pedacinho de terra para plantar, para curtir a Natureza mais de perto e viver a vida que me chama. Não vai ser agora, nem ano que vem, mas vou construindo aos poucos e aqui, continuo compartilhando as aventuras das peludas, humor, "gatices" e dicas que encontrar sobre plantar, construir, alimentação e outras orientações que podem ser úteis a mim e a outros que queiram embarcar em aventuras parecidas.

Things happen.

22 de mai de 2015

Crie asas...e aprenda a voar!


Lista de afazeres. Crias asas e voar. Pense grande.
Que sonho louco!

Ando publicando bastante cartuns, adoro! Mas também ando bem atarefada por aqui e não quero perder o contato com o blog. Estes desenhos do muttscomics.com são muito legais, né?

21 de mai de 2015

Esta me fez lembrar da comadre Marília e do Ébano

I'm still missing a leg, and a home, but not my optimism.

16 de mai de 2015

Nestes dias mais fresquinhos, só com "gatoalarme"!


I'd like to request a 5 AM wake-up pounce.
Carla chose to pretend she had some resemblance of control

Hoje vou na Kartoffelfest, em Santa Maria do Herval. Além de aproveitar uma comida que adoro (batata), já dou uma olhada na região. Basicamente limitei a duas regiões o futuro sítio real, arredores de Morro Reuter e arredores de Maquiné.

Cartaz da Festa da Batata

14 de mai de 2015

Desde que eu era pequena...

Very Interesting...and when do you think this addiction to cats first began?
Na verdade, quando eu era pequena até tive certo problema com gatos. Um deles (Mimi, gatinha branca da minha infância) me arranhou na barriga (de criança, pele fina) e até adolescência tínhamos mais cachorros do que gatos. Mais tarde, já jovem adulta, adotei um gato que surgiu lá em casa, o Tamborim (Tiba para os íntimos) e depois, cada vez mais, fui ficando viciada em gatos. O golpe final foi a Mel que eu adotei em uma fase da vida que tudo o que eu queria era dar amor a uma criaturinha, ela foi a vítima hehehe. Depois disso ME ASSUMI: louca total dos gatos!

10 de mai de 2015

6 de mai de 2015

Adoção é um ato de amor

E amor não é paixão, amor é educar, é cuidar, é ter aquela dose extra de paciência, sabendo que um ser delicado está sob a nossa responsabilidade.


3 de mai de 2015

Nos futuros céus do sítio

Muita coisa tem acontecido nos últimos dias. Coisas boas (finalmente a transferência de trabalho para Porto Alegre) e coisas trabalhosas (reforma de última hora em uma parede da cozinha que abaulou e ameaçava cair, deixando pó e poeira por toda a casa). Assim é a vida, eterna mudança, sempre dinâmica, impermanente e em fluxo contínuo.
Falando em fluxo, compartilho uma bela imagem de pássaros que, sonho, sobrevoem o futuro sítio...breve.
E pergunto: para quê sobrenatural, para quê efeitos especiais, se temos na NATUREZA, fenômenos tão maravilhosos quanto este? 



Nesta era de cabeças baixas, grudadas em smartphones, quem sabe uma atenção aos milagres diários não eleva a nossa espécie?
Uma ótima semana com esta inspiração a todos!