11 de mai de 2016

Clara, quase bebê

Estas são as fotos que eu tenho da Clara mais jovem. Não fui eu que tirei, são da tia Míriam Mundis, veterinária e primeira cuidadora, tanto da Clara, quanto de seus dois irmãos.





Não sei se já publiquei, mas, por via das dúvidas, estas fofuras nunca são demais! Agora está que é uma bola branca pelancuda hehehe

9 de mai de 2016

Imagens raras: Mel na primeira casa

Quando adotei a Mel, eu não tinha muita consciência sobre redes de proteção etc. Ela viveu 5 anos saindo e (graças) voltando de madrugada. Conhecia bem a vizinhança e o primeiro susto foi quando ela quase se afogou na piscina dos vizinhos. Ela correu dos cachorros, escorregou e caiu na piscina gosmenta dos vizinhos dos fundos. Estava um limo verde de tão suja! Eu escutei aquele "uóóó" que os gatos fazem em situações de estresse, olhei na janela e vi ela tentando nadar, os cachorros olhando para ela, com uma cara de "mas o que é isso??!". Eu, de vestidinho curto, de usar em casa, nem pensei, me atirei no muro dos fundos e ia invadir a casa dos vizinhos (não sei se eles estavam em casa, pelo visto não, não tinha barulho e ninguém apareceu). Estava eu, já montada no muro, toda lanhada, quando a Mel conseguiu sair da piscina, coberta de verde, molhada e em choque. Os cachorros mantinham distância, deviam achar que era um monstro. Chamei e ela veio, aos trancos, para casa. Dei banho e ela se recuperou. E lá se foi, descontada, a primeira vidinha dela.

Rainha da casa.

Era ali embaixo a piscina dos vizinhos (mas não foi neste dia). Em um primeiro de janeiro qualquer, acho que de 2008.

Meu melhor enfeite da estante. Tem outra na estante, mas tenho que escanear.

Bem novinha, uma garota, minha filhota única da época.

Esta é clássica. Janela + Gatos. Mel na preguiça.

Também estou escaneando minhas fotos em papel e passando para arquivo eletrônico. Como "naquele" tempo eu não tinha câmera digital, ainda tenho algumas da Mel, mais antigas.

6 de mai de 2016

BBB: Benta bebê no banheiro

Como fiquei mais de um mês sem Internet, tive tempo suficiente para fazer uma grande limpeza
e organização em meus arquivos, incluindo as fotos. Encontrei algumas que vou compartilhar. Estas são da Benta bebê, ainda enclausurada no banheiro, em quarentena, na época em que eu nem imaginava que ia ficar com ela. Era uma pulga, do tamanho de meus sapatos!

Menor do que meus tamancos. Participação especial: meus dedos do pé.

Olhem como ela era pequena!

Ainda tinha poucos pelos, dava para ver a pele por baixo.

Fiz o que pude, era uma ignorante em cuidar de bebês, mas ela sobreviveu hehehe
Estes dias estava vendo como a Benta evoluiu. Gente, ela tem até papada hoje em dia! Apesar de ser a mais magra das minhas 3 gatas.
Estas fotos são de 2010, em Santa Maria/RS.

2 de mai de 2016

I'M BACK!!!!

Depois de MAIS de um mês sem Internet, finalmente troquei de provedor.
Não estou lá muito esperançosa de que vá ser uma maravilha, mas preciso de Internet, mesmo que seja modesta. Faço vários trabalhos por meio da rede e é questão de precisar mesmo e nem tanto de lazer (embora eu quase não veja TV e prefira ficar navegando em vez disso).
Vamos ver se eu consigo retomar o ritmo.
Por aqui tudo bem, peludas e eu sentindo a drástica mudança de temperatura. Em uma semana e meia, passamos de 35 a 5 graus!