3 de jan de 2015

Serviços online e troca de endereço: algumas consequências de morar no Brasil

[o texto de hoje é pura lamentação, aconselho a quem não quer ler coisas negativas que nem o leia]

Nasci no Brasil, descendente de uma mistura de etnias (indígenas, ciganos, judeus novos cristãos, negros e italianos) mas, preponderantemente italianos. Meu maior arrependimento é não ter emigrado quando era jovem.
O Brasil é lindo, coisa e tal, povo, no geral, muito amigável, nestas terras REALMENTE se plantando tudo dá, mas um país é mais do que isto. Nunca me orgulhei deste país ou de ser brasileira, aliás, não me orgulharia de ser de nenhum lugar. Acho estranho a gente se referir a ORGULHO, seja por uma nação ou por ser gay ou surdo ou negro. Orgulho a gente deve ter por nossas realizações e não por algo pronto e que não escolhemos. Penso que se poderia falar de GOSTAR de ser brasileiro ou outra coisa qualquer. Aí sim posso dizer: não, não gosto de ser brasileira. Nascer e viver, no Brasil, é sacrificante, a não ser para os que nasceram abastados ou no poder. E isso que não posso me dizer miserável ou pobre, mas nasci em uma família de poucas posses. Mesmo sendo branca, não tive muitas oportunidades, tive que cavar cada uma delas, na unha! Imagino como é para aqueles que são considerados como marginalizados, favelados, negros etc! 
Por que eu não gosto de ser brasileira? Tudo é difícil. Fora a escandalosa corrupção, violência urbana, hipocrisia política e impostos absurdos e que não retornam convenientemente para o bem comum, no dia-a-dia tudo é muito burocrático e sem garantias. Um pequeno exemplo: companhias de telefonia celular e bancos.

- Oi, amigo, seu TIM tá vivo?
- Claro que não...
[jogo de palavras com as principais operadoras de telefonia móvel no Brasil]

Passei a manhã em função de troca de endereço de correspondência com a Oi (Brasil Telecom) para, no fim, a atendente me dizer que o sistema deles estava lento e eu teria que voltar a contatar para me certificar de que a mudança de endereço tinha se concretizado. Detalhe: estou nesta luta há uma semana! Pior, pedi para a Claro para mudar de prefixo DDD para o de Porto Alegre e cancelaram a minha conta! Na 6f antes do reveillon! Às 18h! Fiz reclamação pelo site, fui na loja física e protocolei reclamação e...nada! O que eu fiz? Saí dali e entrei na primeira loja de outra operadora e comprei chip pré-pago (Claro era pós-pago, de conta). Mesmo assim quero usar meus créditos da Claro e não pagar por esta mais de uma semana sem serviços. A gente fica na reclamação, pois estas empresas não dão retorno e quando o dão é em uma linguagem cabalística (em resposta a sua solicitação, informamos que o número de seu protocolo é XXX). Hoje, em contato com a Oi, eu disse que queria saber como estava o protocolo YYY, sabem a resposta? "Não posso lhe informar". 
Resumindo: não se consegue tirar do poder os políticos corruptos e incompetentes, assim como não se consegue um retorno de uma reclamação destas empresas. Tudo é assim, nesta base...
Parece que neste país clamamos às pedras...
...
E enquanto isto, a PRESIDENTA, tomou posse, e nem vou comentar do modelito e muito menos da gola cortada a facão do vestido dela, mas sim da cara totalmente entediada, enfastiada, enojada, com dor de barriga e sem vontade estar ali que ela esboçou na maior parte do evento.

2 comentários:

  1. Ter que lidar com operadoras de telefonia é coisa pra quem tem nervos de aço ou um extraterrestre.
    Parece que falamos outra língua e quem está do lado de lá é uma múmia.
    Saímos da OI com a sensação de perfeitos idiotas; por mais de 6 anos pagamos caro por uma velocidade de m* e no último suspiro ainda mandaram duas contas pra gente pagar (uma de celular e outra no fixo).
    A tal presidANTA, também parece viver em outro mundo, de preferência onde só ela e seus comparsas tem razão.
    Cabe a nós, rezar e chorar de raiva algumas vezes, por conta de tudo isso junto.
    Buááááá´!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Soraia, estas coisas revoltam mesmo, por mais que a gente queira ficar centrada. Se fosse uma coisa ou outra a gente até relevava, mas é sempre assim!

      Excluir

É muito bom ler outras pessoas participando aqui mas, por favor, eu também quero comentar: retirem a verificação de palavras do blogue de vocês!
Obrigada!