28 de jan de 2013

Curando feridas

Hoje continua, em Santa Maria, a mobilização de transporte, internação, velório e enterro das vítimas do incêndio da boate Kiss. Eu só ouço os barulhos de helicóptero e ambulâncias.
Eu, vou indo bem, não sinto dor, nem náusea e com pouca secreção. Já sei que alunos se foram e é brabo ter a consciência de que são tragédias totalmente evitáveis.
Vamos nos curando...
http://diocesedeuruacu.com.br/blogparoquiasantaisabelsantaisabel/wp-content/uploads/2009/02/cura.bmp

2 comentários:

  1. Amiga querida, fique bem, na medida das circunstâncias.
    Beijinho,
    Beth

    ResponderExcluir
  2. Dá uma dor no coração cada vez que eu vejo notícias sobre essa tragédia, eu tenho dois filhos nessa faixa de idade e só fico imaginando se fosse comigo! É muito triste!Que essas famílias encontrem forças para seguir em frente.
    Que bom que você está se recuperando tranquilamente, depois da cirurgia eu nunca mais senti nenhuma dor.
    Beijos
    Laís

    ResponderExcluir

É muito bom ler outras pessoas participando aqui mas, por favor, eu também quero comentar: retirem a verificação de palavras do blogue de vocês!
Obrigada!